Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > CNTSS/CUT DISCUTE PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DOS ASSISTENTES SOCIAIS EM REUNIÃO COM PRESIDENTE DO INSS NA TERÇA-FEIRA (06/04)

CNTSS/CUT discute pauta de reivindicações dos assistentes sociais em reunião com presidente do INSS na terça-feira (06/04)

05/04/2021

Reunião terá como pontos centrais a Portaria nº 11 e demais medidas que comprometem os serviços prestados e colocam em risco as vidas dos servidores e da população neste momento de pandemia

Escrito por: Assessoria de Imprensa CNTSS/CUT

 

A Portaria Conjunta PRES/DGPA/DIRAT/DIRBEN/INSS nº 11, de 17 de março, que dispõe, entre outras questões, sobre procedimentos para uniformizar o fluxo dos agendamentos das atividades do Serviço Social no âmbito do INSS – Instituto Nacional do Seguro Social terá destaque na pauta da reunião agendada para acontecer nesta terça-feira, 06 de abril, entre representantes da CNTSS/CUT – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social e dos Sindicatos dos Servidores Federais com o presidente do órgão, Leonardo Rolim, e sua equipe técnica. Na ocasião, as lideranças dos trabalhadores apresentarão documento contendo um conjunto de 12 reivindicações visando garantir melhores condições de trabalho aos servidores e de atendimento à população.

 

Produzido pelos profissionais da assistência social, o texto a ser entregue a Leonardo Rolim relata os problemas causados pela Portaria e as demais medidas adotadas pelo Instituto que, segundo os dirigentes, “estão se configurando literalmente em ataques direcionados a este serviço previdenciário e a esta categoria profissional, promovendo um nítido esvaziamento sistemático das atribuições privativas e competências dos/as assistentes sociais em seu importante papel de atender a população, principalmente aos trabalhadores mais vulneráveis”. (veja a íntegra do documento anexado abaixo)

 

A agenda desta semana é resultado de demanda apresentada pela Confederação em reunião realizada com Rolim em 24 de março, uma vez que há uma série de questionamentos sobre o conteúdo desta Portaria. Naquela ocasião, os assistentes sociais foram categóricos ao afirmar que as mudanças na estrutura de atendimento e nos processos de trabalho, principalmente o aumento do número de agendas diárias para concessão do BPC – Benefício de Prestação Continuada, impossibilitam a realização do trabalho de avaliação biopsicossocial nos critérios técnicos estabelecidos pelas normas e diretrizes da Assistência Social.

 

Os dirigentes destacaram, ainda, que o trabalho do Serviço Social não é somente apresentar o parecer social e que há no cotidiano destes profissionais muitas outras atribuições. Outro ponto muito criticado diz respeito a negligência do INSS com referência aos cuidados necessários para preservação das vidas dos servidores e da população neste momento de descontrole da pandemia em todos os Estados. Os servidores entendem que ampliar a circulação de pessoas nas Agências neste momento é muito perigoso e uma contradição do INSS que diz respeitar os cuidados com os trabalhadores e os beneficiários, mas que neste momento quer expor ainda mais pessoas a situações de contágio com o vírus.

 

 

Clique aqui e veja a íntegra do documento:

 

 

 

José Carlos Araújo

Assessoria de Imprensa da CNTSS/CUT

 

 

 

 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:


CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP
Telefones: (0xx11) 2108-9156 - (0xx11) 2108-9301 - (0xx11) 2108-9195 - (0xx11) 2108-9253 - FAX (0xx11) 2108-9300
E-mails: direcao@cntsscut.org.br – tesouraria@cntsscut.org.br – imprensa@cntsscut.org.br

CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF
Telefone: (0xx61) 3224-0818 | E-mail: df@cntsscut.org.br