Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUE CENTRAL > SINDSAÚDE MG DIVULGA NOTA CONTRA ATAQUES DE ZEMA AO FUNCIOALISMO

Sindsaúde MG divulga nota contra ataques de Zema ao funcioalismo

23/07/2020

Sindicato mais uma vez manifesta publicamente a indignação com um ataque leviano e sem apresentar nenhuma prova a respeito

Escrito por: Sindsaúde MG

 

Mostrando mais uma vez desconhecimento e desprezo pelo funcionalismo público, o governador de Minas Gerais Romeu Zema disparou contra os servidores públicos em uma live marcada para falar sobre a proposta de reforma da previdência. Apesar dos salários parcelados e defasados do funcionalismo, na transmissão ao vivo que aconteceu na tarde desta segunda-feira (20/07) Romeu Zema sugeriu privilégios do servidor mineiro. O governador afirmou que estão numa situação “muito melhor do que os outros 90% da população”. A frase causou indignação até mesmo no legislativo, onde a proposta de reforma da previdência está sendo discutida. Parlamentares de diferentes partidos estranharam a agressividade do governador com o servidor público. A tentativa de colocar servidores e sindicatos como “vilões” do Estado serve apenas para mostrar o quão despreparada é a gestão “Novo”.

 

O ataque do Zema também teve como alvo as entidades representativas dos servidores. Sem provas ou qualquer argumento de sustentação, o governador acusa a gestão anterior de fazer “rachadinha com sindicatos”. A acusação leviana vem justamente quando as mobilizações dos representantes do funcionalismo têm conseguido aprofundar o debate em relação aos equívocos da proposta apresenta na ALMG. Um documento com 244 propostas de alteração no projeto da reforma da previdência foi entregue ao legislativo pelos sindicatos.

 

A irritação de Zema é por desconhecer o papel das entidades sindicais na defesa do funcionalismo. Em todas as gestões, a mobilização dos servidores se pauta pelo fortalecimento do serviço público e valorização dos trabalhadores. O Sindicato Único dos Trabalhadores da Saúde (Sind-Saúde/MG) repudia veementemente a acusação leviana do governador e cobra medidas contra declarações caluniosas que tem como único objetivo tentar deslegitimar vozes contrárias as suas ações. O Sind-Saúde relembra que em todos os anos da gestão anterior organizou manifestações, greves e ações para os direitos dos servidores da saúde fossem respeitados.

 

Na mesma live, sem citar nomes ou entidades, Zema insinua que o governo anterior “podia dar emprego para um punhado de gente da turminha deles”, ao se referir supostamente de sindicalistas. O Sind-Saúde mais uma vez manifesta publicamente a indignação com um ataque leviano e sem apresentar nenhuma prova a respeito. O Sindicato jamais apresentou nenhum nome para assumir qualquer tipo de cargo para gestão. Causa estranheza, entretanto, o governador permanecer com o discurso de não fazer indicações políticas para cargos públicos e ter em diversos órgãos relatos de ocupação massiva de pessoas ligadas aos partidos aliados.

 

http://www.sindsaudemg.org.br/index.php/estadual/3676.html?task=view

 

 

 

 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:


CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP
Telefones: (0xx11) 2108-9156 - (0xx11) 2108-9301 - (0xx11) 2108-9195 - (0xx11) 2108-9253 - FAX (0xx11) 2108-9300
E-mails: direcao@cntsscut.org.br – tesouraria@cntsscut.org.br – imprensa@cntsscut.org.br

CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF
Telefone: (0xx61) 3224-0818 | E-mail: df@cntsscut.org.br