Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUE CENTRAL > CUT PARTICIPA DO FÓRUM SOCIAL MUNDIAL DA SAÚDE COM DEBATE SOBRE A UNIVERSALIZAÇÃO

CUT participa do Fórum Social Mundial da Saúde com debate sobre a universalização

23/01/2009

Escrito por: CUT


No próximo domingo, 25 de janeiro, começa o III Fórum Social Mundial da Saúde, que antecederá o Fórum Social Mundial 2009, que este ano acontece em Belém do Pará. A Central Única dos Trabalhadores (CUT) estará presente no debate que tratará do tema com enfoque no trabalho e ambiente. As discussões terão como centro a crise e a proposta de construir um marco comum de luta pelo direito universal, integral e equitativo à saúde e à seguridade. Um dos objetivos do Fórum é avançar na definição de uma agenda política estratégica comum entre movimentos sociais e populares. Outro ponto importante é a consolidação da convocatória política e a organização da Conferência Mundial sobre o Desenvolvimento de Sistemas Universais, Integrais e Equitativos de Saúde e Seguridade Social, que seria realizada no Brasil em dezembro de 2008, conforme deliberação do II FSMS de Nairóbi e que foi adiada para 2009.

Para a secretária nacional de Organização da CUT, Denise Motta Dau, a grande discussão será a universalização da saúde. “A atual conjuntura de crise tem retomado o debate do papel do Estado. O Brasil, nos últimos anos, vem fortalecendo seu papel como indutor de desenvolvimento econômico e social. Temos o exemplo do SUS (Sistema Único de Saúde) que hoje é uma das principais referências de saúde pública gratuita no mundo, tanto, que o mesmo será homenageado no encontro”, ressaltou.

“O Fórum Social Mundial da Saúde deve reforçar a universalidade e a qualidade da saúde pública e gratuita no mundo. O Brasil com a criação do SUS, em 1988, está na vanguarda de assistência e atenção à saúde. Por isso, é fundamental a defesa e a manutenção do SUS. Nossa luta é para que o governo o financie e o gerencie como vem fazendo. Reafirmamos nossa posição contra a mudança de gestão do SUS e rechaçamos que fundações de direito privado assumam esse papel”, salientou o secretário nacional de Políticas Sociais da CUT, Expedito Solaney.

Para a presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social, Maria Aparecida do Amaral Godói de Faria, a CUT é a central com maior acúmulo sobre políticas públicas, podendo assim, atuar de forma efetiva nos debates. “No momento de crise e com possíveis conseqüências para o Brasil, a CUT tem se mostrado fiel aos seus princípios reafirmando sua coerência na luta em defesa dos trabalhadores (as). O FSM é um espaço de intercâmbio importante ao qual temos muito a contribuir devido aos nossos 25 anos de luta”.

Quanto à participação da CNTSS no Fórum Social Mundial da Saúde, Maria ressaltou a importância da oportunidade de discussão do tema saúde com outros países. “Nosso objetivo é encontrar soluções que atendam as demandas de uma sociedade globalizada. Um dos desafios é construir coletivamente a realização da Conferência Mundial sobre o Desenvolvimento de Sistemas Universais, Integrais e Equitativos de Saúde e Seguridade Social. Nesse evento também teremos a oportunidade de fazer uma reunião com Coordenadora das Centrais Sindicais do Cone Sul - CCSCS (Brasil, Argentina, Uruguai, Bolívia, Paraguai e Chile) que deve construir uma agenda conjunta para 2009, enfatizou.

Blocos Temáticos
- Direitos humanos à saúde e seguridade social;
- A crítica à economia política do modelo de desenvolvimento neoliberal e seu impacto nos sistemas de saúde e seguridade social - por uma agenda não-neoliberal de desenvolvimento;
- O mundo do trabalho e o trabalhador da saúde - a flexibilização e terceirização laborais e a destruição da seguridade social;
- Saúde e Meio Ambiente - proteção social contra os efeitos do aquecimento global, a opção dos modelos de desenvolvimento e a recuperação e proteção do ambiente;
- Democracia direta, sistemas democráticos, poder popular e a garantia do direito à saúde e à seguridade social, pelo direito ao protesto e à descriminalização do protesto social;
- Pela construção de sistemas democráticos/socialmente justos de saúde e seguridade social.

O Portal Mundo do Trabalho fará cobertura on-line da FSM 2009: www.cut.org.br
  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado


CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP
Telefones: (0xx11) 2108-9156 - (0xx11) 2108-9301 - (0xx11) 2108-9195 - (0xx11) 2108-9253 - FAX (0xx11) 2108-9300
E-mails: direcao@cntsscut.org.br – tesouraria@cntsscut.org.br – imprensa@cntsscut.org.br

CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF
Telefone: (0xx61) 3224-0818 | E-mail: df@cntsscut.org.br