Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > ACONTECE > SINDSAÚDE PASSO FUNDO: CONTINUA PARALISAÇÃO RELÂMPAGO NO HOSPITAL DE CARIDADE

Sindsaúde Passo Fundo: continua paralisação relâmpago no Hospital de Caridade

27/07/2018

Os funcionários decidiram realizar paralisações de advertência de 15 minutos a partir da quinta-feira, dia 12 de julho

Escrito por: Sindsaúde Passo Fundo

 

 

Estão de parabéns os funcionários do Hospital de Caridade de Carazinho. Eles estão firmes no movimento, que na segunda-feira, 16 de julho, completou cinco dias, e que se contrapõe à negativa da direção do hospital em assinar o Acordo Coletivo da categoria. Nesta segunda-feira, a paralisação de 15 minutos foi realizada na entrada do turno das 13h e deve se repetir às 19h. A presidente do SINDISAÚDE, Terezinha Perissinotto e a diretora de Finanças compareceram ao local para apoiar o movimento.

 

Os funcionários decidiram realizar paralisações de advertência de 15 minutos a partir da quinta-feira, dia 12 de julho. A decisão foi tomada em assembleia realizada no dia 05 de julho e visa impedir a retirada dos direitos adquiridos em acordos anteriormente negociados ao longo dos anos pelo SINDISAÚDE.

 

Ao tentar fazer parte da Convenção Coletiva do SINDIBERF - Sindicato dos Hospitais Beneficentes, Religiosos e Filantrópicos do RS de 2018, o hospital fará com que os seus funcionários tenham perdas significativas.

 

De acordo com a presidente do SINDISAÚDE Terezinha Perissinotto, com a mudança para o SINDIBERF, ocorreriam perdas como a redução da remuneração, do adicional de insalubridade, adicional noturno e auxílio creche. Também poderia ocorrer o aumento de carga horária e a perda de outros direitos como o número de dias para acompanhamento de filho doente.

 

O presidente da Federação dos Trabalhadores em Saúde do RS (FEESSERS) Milton Kempfer, que participou da assembléia, lembrou aos trabalhadores da importância Da sindicalização por parte dos trabalhadores para fortalecer a luta do SINDISAÚDE, “que precisa atuar justamente em situações como a que a categoria enfrenta em Carazinho”.

 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Copyright @ CUT Central Única dos Trabalhadores | 3.820 - Entidades Filiadas | 7.890.353 - Sócio | 24.062.754 - Representados
CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP | Telefone (0xx11) 2108 9200 - Fax (0xx11) 2108 9310
CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF | Telefone: (0xx61) 3322 5062 e (0xx61) 3322-5060